terça-feira, 3 de setembro de 2013

Calzone de Carne Picada e Legumes





Hoje começam as receitas para levar na marmita. 
Sempre ouvi os meus pais e avós dizerem que levavam para o trabalho a marmita e que era sempre um momento divertido, porque descobriam o que lá vinha dentro e quando não agradava muito, podiam partilhar e trocar o almoço com os amigos.
Durante algum tempo esse conceito pareceu andar perdido. Mas eis que com a crise ele voltou. A mim parece-me uma excelente ideia e cheia de vantagens: não se gasta tanto dinheiro a comer fora, podemos escolher o nosso almoço e certamente podemos optar por refeições mais saudáveis, sem as gorduras típicas dos restaurantes. 
No entanto, nos dias que correm o tempo é sempre curto. Por isso, aqui fica a primeira sugestão muito simples e prática, que surge de uma receita que já foi partilhada - Salteado de Legumes Com Carne Picada
Como referi na publicação da receita, o salteado de legumes dá sempre uma grande quantidade. E, por isso, as sobras podem ser rentabilizadas para o almoço do dia seguinte. 
No entanto, para não comer exactamente o mesmo, eis uma pequena alteração que fica deliciosa.




10 min| Fácil 

100g de farinha
4 colheres de sopa de azeite
Água q.b.
Pitada de sal grosso
Mostarda 
2 folhas de alface

Numa tigela misture a farinha, o azeite e o sal. Verta a água em fio e mexa com a mão a massa até obter uma bola que se descole com facilidade das mãos. 
Com o rolo, estenda a massa até ficar com 0,5 cm de espessura. Corte a massa no formato de um círculo (pode fazê-lo com um prato virado ao contrário). 
Aqueça uma frigideira anti-aderente. Coloque o círculo da massa na frigideira. Se achar que a sua frigideira pega com facilidade, coloque um fio de azeite antes de colocar a massa. 
Cozinhe dois minutos de cada lado ou até ganhar alguma cor.
Retire do lume. Barre com mostarda, coloque as folhas de alface e recheie com a carne picada. 
Feche como se fosse um livro.